Barnabé 86

20/02/08

………o Pai nos dá todos os instrumentos para seguirmos o caminho que é da verdade, o caminho verdadeiro, mas quando é que verdadeiramente estamos usando estes instrumentos. É a pergunta que temos que fazer a cada um de nós mesmos. Se estamos usando os instrumentos que Deus Pai nos oferece ou estamos usando de nossas lamentações, de nossos medos, nossas convicções racionais? Vocês não achavam que não iriam ser testados, desafiados. Isso acontece o tempo todo mas, mais do que nunca dentro das necessidades o Espírito Santo está disponível  para ser invocado, para ser manifesto através dos dons, para que esta vontade maior de Deus Pai se faça presente.

Olhe para a sua vida neste instante e responda com sinceridade a Deus, você está dando tudo de si, tudo mesmo? Responda e veja quanto falta ser caminhado e o quanto foi caminhado. Devemos continuamente nos  perguntar: estou dando  o meu melhor? Estou fazendo a minha parte? Estou fazendo jus àquele amor que Deus me dá todos os dias? Estou fazendo jus daquela graça que Deus me ofereceu, das pernas, dos braços que Deus me deu para caminhar, para trabalhar? Ou eu cruzo os braços e fico sem caminhar. Os braços foram dados para serem usados e as pernas para andar, os olhos foram dados para ver o que há de belo. A boca foi dada para falar a verdade. Não se acuse e nem se enobreça, mas sim se respeite, respeite a luz que habita em seu coração, respeite a verdade que quer se manifestar, respeite o potencial de luz e amor que você pode manifestar e esse respeito se dá quando você usa isto.

As palavras todas que já foram ditas, os ensinamentos passados, tudo precisa ser vivido mas precisa ser vivido também na comunhão. Não é possível que estejamos juntos e depois  viva cada um por si, não é possível que venhamos do céu para trazer a palavra e vocês enterrem a palavra no chão. Pensem se o que falta verdadeiramente não é mais comunhão em todos os níveis da vida, em todos os sentidos necessários, em todas as formas possíveis porque o inimigo é ardiloso, mais, mais e mais do que vocês possam imaginar, mais e mais do que vocês possam perceber, porque muitas vezes quando vocês acham que não estão sendo usados por ele, é que ele está usando vocês e para que isto não aconteça você tem que parar de se lamentar e dizer a Deus Pai “ estou aqui, usa-me” , “ estou aqui fortaleça-me”, “ estou aqui Pai amado onde devo ir, que palavra devo dar, como posso instigar meus irmãos com mais compaixão e com menos desavença”, “ como posso Senhor usar a ciência que tem me oferecido, que vem do céu e que se manifesta através das percepções, através daquilo que é mais útil”.

Deus Pai Nosso Senhor nos oferece tanto, e sabemos que Ele oferece, e fazemos tão pouco por nós mesmos, temos que fazer mais, não só porque quero me melhorar, não só porque quero aprender e crescer mas porque quero ajudar acima de tudo. E não  só ajudar pensando, mas ajudar trabalhando, usando, ajudar crendo nas possibilidades ilimitadas. Quando Deus apresenta o ilimitado, não tenha aquilo que é limitado como regra. Não tenha a limitação de seus pensamentos e sentimentos se Ele te apresenta o ilimitado é porque Ele está te dizendo: “você pode meu filho”.

Ele não está te mostrando o ilimitado para te dizer: “olha só o que não é para você”, Ele está te mostrando para dizer: “ isto é teu, o milagre é teu, o ilimitado é teu, a verdade é para você viver”, “ a cura é para você”, “ o amor que eu tenho para oferecer é  para você meu filho porque eu te amo mais do que você possa compreender”, “ amo mais do que você possa falar, mas você pode sentir o meu amor, usa isto, não nega o que eu estou te dando, ajuda a quem não vê a aceitar que é possível, caminha junto passo a passo não largue de forma alguma a mão de quem precisa, apenas creia e tenha fé porque o que vem pela frente é muito mais do que vocês estão vendo”, “ seja corajoso, e coragem não é palavra , coragem é ação primeiro consigo, coragem é segurar na mão de Deus Pai e permitir que Ele te guie pelo vale das sombras, porque  o Seu cajado estão com você, nada te fará mal algum, pisará sobre a víbora e sobre o leão, mal não te farão, Ele te preencherá do cálice da vida e ele transbordará”.

Mas para que isto seja  assim, você tem que acreditar mais Nele do que na ilusão do mundo, do que na ilusão das pessoas, do que na ilusão dos egos, do medo e do desespero daqueles que estão fugindo, estão se refugiando mas não no lugar de refúgio verdadeiro. Deus não abandona seus filhos, não abandone a Deus, seja corajoso diante dos enfrentamentos porque o que aguarda vocês é tão sublime, maravilhoso, indescritível, tão absoluto, magnífico, doce , pacífico que não há palavras para descrever o que é a herança de vocês. Faça jus a esta herança HOJE, a cada instante e não tenha nenhum minuto medo, não sinta medo, não deixa que se afaste de ti, faça força para que a Luz prevaleça.

Vamos conversar o que vocês quiserem hoje, agora, neste instante.
Mestre Barnabé, foi dito que  a  parte material da vida da gente, a luta para ganhar dinheiro não tem nada a ver com Deus, mas quando a gente procura alguma ajuda mental ou psicológica neste assunto, também nos é dito que não é certo. Eu fico meio perdida…..
A grande questão é se você confia em você mesmo ou não. A grande questão é se você precisa nas muletas do mundo ou você acredita que seu esforço é  suficiente. O mundo fornece as forças, energias, as técnicas todas mas você vai ficar presa nestas coisas, não precisa delas. Deus não tem nada a ver com dinheiro, mas Ele te dá luz para que cada dia você tenha esperança, consciência e para que faça tudo aquilo que teu espírito mandar. Quem tem a luz de Deus consciente, não precisa apelar para nada disto. Diferente é se as pessoas estão passando por problemas psicológicos, traumas, aí elas precisam destas coisas, é diferente, mas não se você precisa de dinheiro e trabalho, peça luz a Deus e você mesma abre caminho para os seus trabalhos com esta luz e com a mente. Mas a mente conectada com a luz e não um programa no qual se acaba criando uma dependência. Isto é desnecessário.

Mestre Barnabé, nós estamos sentindo muita dificuldade em trabalhar em grupo e fazer algo em grupo…..
Nós temos sempre falado para vocês que trabalhar em comunhão não é cobrar o outro mas ter iniciativa. Nós dizemos o mesmo porque a verdade não muda, a iniciativa da comunhão é que gera a comunhão.  Quando eu cobro a iniciativa do outro, quando eu cobro isto ou aquilo e não me satisfaço, eu também não estou realizando a comunhão da sinergia mas um desejo apenas que isso aconteça. Tenham a iniciativa de fazer, de ir atrás e principalmente incentivar o outro ao invés de cobrá-lo por isso ou aquilo. Ele talvez não consiga fazer porque está na ignorância  ou porque está sendo tentado ou cego ou qualquer outro motivo. O mais importante, a verdadeira comunhão, a sinergia, parte da iniciativa e incentivar o outro sobre, não o trabalho do grupo, não é o trabalho do grupo mas é o trabalho de Deus e é esta a grande diferença. Quando hoje vocês pensam em grupo, vocês pensam em pessoas, personalidades, egos, pensem que é o trabalho de Deus e vocês precisam uns dos outros para isto e basta. Isto é tão simples e é uma lição que só pode ser aprendida na prática verdadeira da comunhão. É isto.

Barnabé, você acha que é possível ampliar para outras pessoas este estudo?
Enquanto esta comunhão não acontecer verdadeiramente…….Está nas vossas mãos, de todos, não cabe mais a nós dizer onde e quando, cabe a vocês  decidir e abrir o coração para isto. Deus está concedendo que vocês decidam suas vidas, o seu trabalho são vocês que têm a chave, não façam como os escribas no tempo de Jesus aos quais ele disse: “sois túmulos caiados, brancos por fora porém cheio de ossos podres dentro vocês têm as chaves do reino, mas nem deixam entrar quem precisa e nem vocês mesmos entram . não sejam como eles, as chaves estão nas suas mãos. É isto.

Mestre Barnabé, esse nosso trabalho em conjunto poderia ser a própria divulgação e chamada para outros….
O grande trabalho não é isto assim ou daquele jeito, são todas as coisas as quais vocês se empenharem em fazer. Vocês que decidem qual é o trabalho, é como Deus dar a vocês um mapa, um carro e combustível, vocês estão livres para dizerem que caminho tomar, para onde vocês querem ir. Tudo que é pertinente ao amor de Deus, é o trabalho do filho da luz.

E no mais que o amor que está acima de todas as coisas seja a lei e a regra das decisões pessoais, familiares, de grupo ou qualquer outra coisa. Se o amor não for a pedra,  vocês nunca vão encontrar a solução para qualquer dilema da vida porque a vida há de apresentar muitos subterfúgios que hão de iludir até mesmo os mais sábios. Se você não usar do amor como regra, a sabedoria não vem até você. Seja amoroso, compassivo e aquilo que parece que foi perdido será encontrado.
Seja amoroso e compassivo consigo mesmo, com todos e aquilo que parece que foi perdido será encontrado. Ama, como diz o Cristo, cuida do teu irmão como as pupilas do teu olho e desta maneira cuida de ti.

Assim nós podemos vir aqui hoje trazer uma palavra de conforto, alento, esperança. Vamos rezar: Divino Senhor Deus, Criador eterno de todos os luminares, poder inefável que transmite à criação tudo aquilo que é essência a Vós para que ela espelhada em Vós seja tudo aquilo que o Vosso coração deseja. Que esse amor profundo, que esta paz que inunda todo o universo esteja no coração daquele e daquela que mais necessita neste instante.  Pai amado, pedimos pelo Teu poder amoroso, que todo alento e esperança se instale no coração das pessoas, nossos familiares, nossos amigos, irmãos, daqueles com quem não nos damos mais ou com os quais estamos temporariamente afastados. Que a luz, a esperança sejam dadas, oferecidas e que possam ser sentidas como um bálsamo que transborda para dar vida nova, ânimo novo para que se possa realizar aquilo que não mais se via, aquilo que não mais se podia crer, aquilo que parecia impossível. Que esta força e luz seja para o coração daqueles que estão doentes, para aqueles que perderão a fé, para aqueles que estão desesperados e para aqueles que estão revoltados. Que o elemento transformador transforme integralmente, que não peçamos mais provas do Teu amor Senhor, porque a vida é a maior prova de todas, e assim agradecemos humildemente pela oportunidade de levarmos nosso coração e nossa voz até  a Tua majestade, abençoe a todos em todos os lugares, abençoa os mais simples, os sofredores, os ignorantes, que a Tua paz Senhor Deus, no amor de Jesus Cristo, nosso Rei e Senhor, na presença do Espírito Santo, que sejamos amorosamente pela Tua luz abençoados, que assim seja, amen, amen, amen, amen.

2 Responses to

  1. idéo bava disse:

    é preciso compreender que somos vinculados, embora não dependentes uns dos outros. o vinculo sempre existe; da independência, o amadurecimento do tempo se encarrega. da transcendência, ELA cuida de cada um!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.